31 de janeiro de 2017

O que se ouve!


" - ... pago uma mensalidade todos os anos!"

Pois...

Piada matinal


O meu marido, logo de manhã, chega à cozinha e diz:


" - Este mês vou-me inscrever no ginásio."


Ele é um cómico...


[recentemente - ups!, já foi quase à 1 ano]

30 de janeiro de 2017

Há dias assim


Vamos a um evento, e qual é a probabilidade de alguém que nunca nos sentaríamos ao lado se sentar ao nosso lado? GRANDE!

Infelizmente grande...

29 de janeiro de 2017

Um cantinho tratadinho @6

O meu marido adora Action Figures. Desta vez comprou uma action figure um pouco maior e até fica bem engraçada em cima da mesinha na sala. 


27 de janeiro de 2017

26 de janeiro de 2017

Mais uma voltinha ao hospital


A febre começou a querer descer ontem, mas ao final da tarde voltou a aumentar. Hoje, o Afonso tinha 39.2º, voltámos ao hospital. Um RX aos pulmões e sai o diagnóstico - pneumonia. A febre tinha que vir de algum lado. Mais um antibiótico na vida dele... 

25 de janeiro de 2017

Embalagens do diabo


A febre a subir, o medicamento para dar e, o raio da embalagem de ben-u-ron que não abre. Quem foi o inventor deste raio de embalagem? Por favor, mudem isto, tenho um miúdo para medicar e uma vontade de lançar pragas ao criador desta embalagem do diabo...
Depois de quase dar cabo da embalagem (faltava partir!) consegui dar o remédio ao príncipe. 

24 de janeiro de 2017

E, que fazer em casa!


Quando os miúdos estão doentes, que fazer? Além de parecer uma escrava: "Mãe, vem cá"; "Mãe, quero um filme", "Mãe, quero água", "Mãe, tenho frio", ... mais 500 mil infindáveis utilizações da palavra mãe... 
Bem, temos que os ocupar... Fazer puzzles, montar legos, montar carros que lhes ofereceram no Natal, ler livros,... principalmente ocupar o Mini, que fica também em casa, para não ter que tirar o Afonso de casa enquanto levo o irmão à escola.


 







Virose do diabo


Na semana passada, na 4ª-feira,  o Afonso queixou-se com dores de cabeça. Dei-lhe ben-u-ron e foi para a escola. Quando o fui buscar, ao início da noite, estava cheio de febre - 39º. De noite não melhorou. Queixava-se de dores de cabeça, dores de costas e de barriga fortes. O Tiago já tinha tido os mesmos sintomas e ficado em casa na 3ª-feira. Fiquei em casa com o Afonso na 5ª-feira e na 6ª-feira. Na 5ª-feira, o João também tinha os mesmos sintomas e ficou em casa também. Na 6ª-feira, também o meu marido se começou a queixar e com os mesmos sintomas.Ainda não se sente a 100%.
No sábado, o Afonso já parecia melhor, no entanto de sábado para domingo vomitou várias vezes. Ao longo do domingo, começou a aguentar alguma coisa no estômago e foi melhorando. Ontem, queixou-se de novo de dores de cabeça, antes de ir para a escola, e que tinha muito frio. Mas, frio quem não tem? Pensei que ele estava a fazer ronha. Mas, às 12h20 ligam-me a informar que o Afonso tinha 38.7º de febre. Quando cheguei com ele a casa tinha 39.2º. Depois de tantos dias decidi ir ao hospital com ele. Tem todos os sintomas de virose. Manter em casa sob vigilância. Hoje acordou com febre de novo. O Tiago também está febril de novo e ficou em casa... Estou de enfermeira!

23 de janeiro de 2017

Coisas deles #63#

O João gosta de desenhar. Agora decidiu desenhar Mangá, e só consegue pensar naquilo. Debaixo dos livros de estudo lá está o caderninho onde vai rabiscando bonecos japoneses. Não se está a sair mal. Os primeiros trabalhos.




18 de janeiro de 2017

Há dias assim

Hoje, logo de manhã, liguei para um cliente, que embora "cheio de problemas" estava com uma disposição incrível. Há pessoas que nos animam logo de manhã.

Ele disse uma frase que gostei particularmente:

"Os bancos são como o chocolate, quanto mais comemos mais dependentes estamos"



17 de janeiro de 2017

TPC para os alunos ou para os pais?



O Afonso trouxe 2 coisas para fazer em casa: um boneco de neve e um telefone de fio (cordel). Como não conseguimos fazer no fim-de-semana, ontem, aproveitando a ida do pai e dos príncipes ao futebol, meti mãos à obra. Sim, fiz eu, porque o miúdo começou a dizer que apareceram telefones muito giros, um até orelhas tinha, a imitar um coelho... E, eu pensei: " Mas estas coisas são para os pais fazerem com os filhos, ajudando dentro do possível, ou trata-se de uma uma disputa paterna?" Claro, não podia dar parte de fraca, e lá tentei que o Afonso levasse algo de jeito.
No fundo, trata-se de trabalho para os pais. No fundo, trata-se de disputa paterna. E nisto, não vamos deixar os nossos filhos ficarem mal...

Noite de futebol


Arranjei os bilhetes para o jogo que o príncipe mais velho tanto queria ver: Braga - Tondela. 4 bilhetes. O Tiago queria ir, mas estava doente, o Afonso recusou, o João também. Bem, o pai decidiu levar com eles o Mini. Assim, todo feliz, lá foi pela primeira vez ver um jogo de futebol, num grande estádio.


Chegou a casa feliz, mas de rastos.



Coisas deles #62#

Coisas maravilhosas que vamos descobrindo nos caderninhos que existem lá por casa. Estes desenhos de bonecos Lego foram realizados pelo príncipe mais velho.