30 de janeiro de 2014

Bubblézinho... a que obrigas!

Pesquisa de hotel, pelo melhor preço. Marca hotel. Pesquisa de avião, comboio, autocarros. Partida de Porto ou Braga. Decisão de horários de partida e chegada. Uma trabalheira... Finalmente me decidi, desmarquei hotel e vou e volto quase no mesmo dia. Chego a casa de madrugada. O que uma pessoa não faz por um espectáculo... Bem, mas no fim, vou poupar pelo menos 120€, sem incluir alimentação... E o meu marido não fica tanto tempo sózinho com os príncipes.
 
 
 

28 de janeiro de 2014

Não há fuminho

Quando necessitamos dele não funciona. Um coro de tosses e o aparelho de nebulizador não funciona. Deixou-nos ficar mal, quando mais necessitávamos dele!

25 de janeiro de 2014

Compras com amor

Por vezes vamos comprar uma coisa, mas apaixonamo-nos por outra. Acaba por prevalecer o último amor.
Fui comprar um biberão grande para o Mini e apaixonei-me pelos biberões da Suavinéx. Livre de bisfenol A, ergonómico e simplesmente liiiiiiiiiiiiiiiiinnnnnnnnnndo. Pronto, lá foi a escolha de última hora e cá está ele em casa.
 

 

Colo para dois

 
 

 
À 3 semanas que recomecei a trabalhar, desde então venho a casa à hora de almoço para dar de mamar ao Mini. Mas há outro ser que necessita de atenção nesse momento: o gato, o JoiJoi. Todos os dias, enquanto amamento lá vai ele para ao pé de mim, por vezes arranja mesmo um espacinho no colo.
 
 

Doentito

O Afonso está com febre e alguma tosse. Ontem chegou aos 39,5º. Hoje anda a tomar medicamento de 3 em 3, 4 em 4 horas, a ver se a febre não sobe tanto.
De manhã fui à reunião da empresa e lá ofereceram um suplemento energético, que eu trouxe para o meu príncipe doentinho. Adorou as suas vitaminas (gomas). No final de comer uma ou duas até já se sentia melhor!
 

 
 
 

22 de janeiro de 2014

Pronto para o Sol

Os dias de chuva já chegam. Estamos fartos. Há quem se tenha preparado para o Sol...
 

Lanche escolar

 
 
O Afonso não come qualquer coisa. Mas se há coisa que tenho a certeza que come é fruta. Por isso, nos lanches para a escola se colocar fruta tenho a certeza que comerá.
Recentemente descobriu o kiwi e o quanto gosta desta fruta.
Mais uma para incluir nos lanches escolares.
 
 

Peixinhos

Hoje, à hora de almoço tinha o Afonso à minha espera, com uma grande surpresa.
" - Mãe, fecha os olhos."
Lá fui conduzida até à cozinha e o mistério desvendado. Dois peixinhos que o pai lhe comprou. O aquário voltou a ter vida.
 
 
 
 
 
 

19 de janeiro de 2014

As primeiras sapatilhas



 
Bem, decidi falar de sapatilhas. Sim, parece que há dias assim...
Os meus príncipes calçam sobretudo, e alguns quase exclusivamente (senão todos), sapatilhas. Desta vez foi o Mini que se iniciou a calçar sapatilhas. Já as tínhamos comprado à muito, mas ainda não tinha pés para a coisa. Que bem lhe ficam.
Assim se iniciam os bons (ou maus) hábitos.

Atacadores

 
O meu marido comprou umas novas sapatilhas para o João. Os gémeos usam sempre sapatilhas com feltro, mas o meu marido nem reparou nesse pormenor e trouxe com atacadores.
Os atacadores são uma dor de cabeça para o João, pois ainda não os conseguiu atar. Esta aprendizagem de nós e contra nós, para umas mãos inexperientes na coisa, não é fácil. Hoje de manhã houve amuos, choro, até desistir.
Logo, logo, vai aprender e depois já só quer sapatilhas com atacadores. Até chegar esse momento, haja  paciência...
 

1ª papa

 

 
Hoje demos inicio à comida sólida: a primeira papa. Primeiro estranhou, mas não recusou. Comeu tudo. Nos próximos dias vamos ver como corre.
 

Escapadela de fim-de-semana

Com o inverno chuvoso e bem, que temos tido, a escapadela de fim-de-semana, geralmente ao sábado, fica por uma ida ao shopping.
Desta vez fomos ao Espaço Guimarães, talvez o shopping que mais gosto, dos que conheço (e, conheço muitos!). Uma vista de olhos pelos saldos, compras no Jumbo, jantar no Burger King (adoro aqueles hamburgers. Na minha opinião muito melhores que os do MacDonalds). Mas quem se deve ter divertido mais foi o Afonso. Colocaram lá um parque infantil, o Feijoeiro Gigante, fantástico. Os miúdos adoram aquilo. Tem um escorrega fantástico. O Afonso é fã de escorregas e aquele não o deixou indiferente.




 
Sabe bem ao sábado não ter de cozinhar. Descanso da cozinha.
 
 


12 de janeiro de 2014

Já brinca

Os brinquedos já são uma boa companhia para o Mini. Mais não seja para lhes "ferrar" a gengiva.


Coisas deles #23#

O Afonso é um menino que adora brincar. A sua imaginação não tem limites. Passa o dia a brincar com os seus brinquedos.
 
A brincar de Dr. Afonso:

 
 
A brincar com os playmobil:


 
 

10 de janeiro de 2014

A falta que uma mãe faz

Sabemos que o nosso filho precisa de nós, quando com 5 meses tem uma fralda tamanho 5 e não tamanho 3!
Só para informar que o número da fralda refere-se a tamanho e não a meses...
 

6 de janeiro de 2014

Voltaram à escola

 
 
Os príncipes mais velhos voltaram à escola. Acabaram os jogos todos os dias, agora só ao fim-de-semana. As consolas descansam finalmente...
 

Coisas deles #22#

As brincadeiras do Afonso
Com os carrinhos:



Com os dinossauros:
 

 
Com os lencinhos que encontrou em casa da avó e que aproveitou o fio do carregador duma consola para estender a roupa:
 
 

A brincar à "Doutora Brinquedos". O Dr. Afonso em acção com o seu livro de receitas, ou será o livro dos dói-dói!!!



 

Fim da licença

 
Hoje é o último dia que estou em casa com o Mini. Amanhã regresso ao activo, ao trabalho. Se me vai custar? Voltar a trabalhar não irá custar nada, mais deixar os meus príncipes é óbvio que vai custar. 5 meses passei com ele. Se é a altura ideal para o deixar? Claro que não, mas em Portugal não podemos optar por outro meio. Quem fica prejudicado é o meu bebé, que ainda mama e só começará a comer aos 6 meses. Como é óbvio ainda necessita dos cuidados da mãe.
 
Mas, num país onde os ordenados não são altos, em que o apoio e incentivos à maternidade são nulos, mais não resta que abandonar os nossos bebés ao cuidado de pessoas desconhecidas. Eu até tenho sorte. Este mês ficará com o pai e depois será abraçado nos cuidados da avó, a minha sogra. Nos cuidados de amor e carinho que a avó lhe irá oferecer. Um cuidado que não poderia pedir melhor. Ninguém melhor que a minha sogra para tomar conta do meu pequenino, do meu bebé.
 
 

5 de janeiro de 2014

5 meses

 
O Mini faz 5 meses. Ri como ninguém, o que faz as delicias de todos. Vira-se e rebola. Já fica com a chupeta na boca algum tempo e até a tira e torna a colocar na boca. As suas maiores amigas são as mãos, passa horas a olhar para elas, a falar para elas e a colocá-las na boca.
Um querido, sem o qual já não passamos.
 
 
 

3 de janeiro de 2014

Passagem de ano: 2013 - 2014

No conforto do lar, com as pessoas que mais gosto, de pijama, foi assim a noite de Passagem de Ano. Um belo jantar, com arroz de marisco e picanha.


À meia-noite, fogo de artificio por todo o lado. Em ano de crise houve mais fogo que nos anos anteriores. Não temos que ir longe, pois na nossa rua há fogo de artificio em força.
Para acompanhar as passas o champanhe. O champanhe não era bem aquilo que esperávamos, há bem melhores no mercado.

Os príncipes adoram bater panelas e lá foram eles para a porta armados de panelas na mão. O Afonso, como faz sempre que há festas cá em casa, desatou a chorar. Ainda não entendemos bem o motivo, mas já é rotina.

Bem, 2014 que seja melhor que 2013. 2013 foi o ano em que nasceu o Miguel, os gémeos foram para o 2º ciclo, o príncipe mais velho para o 3º ciclo e o Afonso para a escolinha.