30 de julho de 2013

Baby #21#

39 semanas.
Mais um ida semanal ao hospital. Tudo na mesma. O bebé continua a mexer muito dentro da barriga. Espero é que não esteja a ganhar peso demais, senão vai ser mais complicado. Se nada acontecer até à próxima semana, 3ª-feira teremos mais uma visita ao hospital.
Vá filhinho, já te queremos ver a carinha. Não achas que está na hora?
 

29 de julho de 2013

Baby #20#

 

A minha extra-barriga, nas 38 semanas.

4 aninhos

 
Ontem, o príncipe mais novo fez 4 anos. Um dia muito feliz para ele. Tinha os pais, os manos e as avós. Além disso, tinha prendas, muitas prendinhas, e tudo o que gosta. O bolo de aniversário também foi o que queria (e se ele o vinha a "namorar" à muito!), o bolo de relógio, que na realidade é um smile, mas que parece um relógio que temos cá em casa e daí o nome.
Como sempre, ao cantar os parabéns (desta vez eram para ele) tornou a amuar. Ainda não entendemos o porquê, mas sempre que ouve os Parabéns amua... Desta vez, tornou a acontecer.
 
 
Depois de brincar com todas as suas prendinhas, dormiu que nem um príncipe.
Parabéns príncipe pelos teus 4 anos. Ah, e o teu mano decidiu não nascer no teu dia (ainda bem!).
 
 

26 de julho de 2013

Dia dos Avós

[Foto Sara Girassol]
 
No caso dos meus príncipes é mais dia das Avós.
Para eles as avós têm uma importância enorme e um lugar muito especial no seu coração.
Eu, não queria deixar de passar este dia sem agradecer à minha sogra, pelo carinho, amor e dedicação, que todos os dias demonstra para com o príncipe mais novo.
O príncipe mais novo esteve 2 meses na creche, mas devido às doenças e infeções constantes, desde os 8 meses, que fica com a avó paterna. Será ela que irá tomar também conta do bebé. Não posso dizer que na creche estivesse melhor, muito pelo contrário. Ele tem um tratamento de luxo junto da avó.
Obrigada à minha sogra por todo o tempo e carinho que dedica em especial a este neto.
 
Feliz dia para as avós dos meus filhos.
 
 

O companheiro das voltinhas

Os príncipes mais velhos só pensam em jogos e jogar, jogar, jogar... Por isso, quando necessito de sair só tenho a companhia do príncipe mais novo, que está sempre disposto a um passeio, desde que inclua uma passagem no parque infantil.  
 


 
Anda, anda, anda e raramente pede colo. Por vezes ainda diz " - Estou cansado.", mas lá chega a casa caminhando sempre. Por vezes chega mesmo cansado, porque enquanto está no parque não descança, não para um bocado.
 
 

Gulodices


O príncipe mais novo não é uma criança muito gulosa, mas se há coisas que gosta é de gomas.
No início da semana comprámos-lhe gomas no Ikea, mas quando está cheio, não come mais e, ou as guarda, ou as dá aos irmãos. Geralmente dá, mas estas guardou-as com cuidado.  Foi comendo aos poucos, 1 ou 2, por dia.
 
 
A que deixou para o fim foi a super aranhinha, que acabou por comer ontem, embora os irmãos tudo tenham feito para a comer.
 

25 de julho de 2013

Pela noite

Ontem, fomos até ao centro ver o festival de folclore internações. A noite estava agradável e uma caminhada faz sempre bem.
 
 
Os príncipes mais novos, com menos interesse pelo festival, correram, brincaram e pediram com insistência para ir ao parque infantil. Após 2h30, quando terminou, lá fomos com eles ao parque infantil. Parece incrível, mas depois da meia-noite só estávamos mesmo nós no parque infantil. Porque seria?!
 

 

Bem, estava tão cansada, que já não me lembrava de dormir tão bem. Só o despertador me acordou de manhã.

Brincadeira de irmãos



 
 
Não é preciso muito, basta a vontade do príncipe mais velho, bolinhas de sabão, e o príncipe mais novo delira com a brincadeira.
 

23 de julho de 2013

Baby #19#

 
Hoje descobri as fraldas bordadas com os motivos dos Lenços dos Namorados, cá da terra. Não resisti em comprar uma. Linda!
 
 

Baby #18#

 
38 semanas, e nada.
Hoje tornei a ir ver a situação ao hospital e está tudo na mesma. O bebé continua a mexer-se imenso o que é bom, mas confesso que já me sinto muito pesada.
Ele é que irá decidir a altura. Só vamos ter que esperar pacientemente...
 

22 de julho de 2013

Reciclagem

Cá em casa tenta-se reciclar. Tenta-se e quase se consegue. Mas o mais impressionante, é quando vemos o príncipe mais novo a comer um iogurte, e depois descobrimos o copo do iogurte onde? Pois é, no saco da reciclagem. Este é o que tenho mais facilidade em ensinar.

Bolinhos para o lanche @2


Parece que há pessoas que não podem ver coisas na net... Resultado, ontem fomos de propósito buscar farinha para fazer mais bolinhos. Tive que duplicar a receita. Era colocar bolos no prato e vê-los desaparecer. Quentinhos são tão bons!
A receita simples, aqui para quem quiser experimentar.
 

19 de julho de 2013

Bolinhos para o lanche

Bolinhos acabadinhos de fazer...


... e de desaparecer!
Lanchinho doce cá em casa.

Aceitar ou dar roupa

 
Com 4 rapazes, mais um a caminho, muita da roupa de uns passa para os outros. Os meus príncipes nunca acharam isso estranho. Por vezes até falam " - Essa t-shirt já foi minha." Muito normal para eles.
Se a roupa ainda está boa, porque motivo a devemos deitar fora e não reaproveitar?
O mesmo acontece com roupa que me dão. Faço uma selecção e tudo que ainda está em condições guardo e visto aos príncipes.
Não me parece nada mal que me perguntem se quero que me dêem roupa, que têm e que sobrou dos filhos, porque cresceram e já não lhes serve. Com certeza não será lixo e se servir aos meus, será bem vinda.
Claro, faço sempre uma selecção e lavo sempre tudo. A roupa não vem suja, mas há sempre os cheiros que são diferentes de pessoa para pessoa, família para família. Depois de lavado e passado, caso ainda não sirva, guardo e quando estiver no tamanho indicado, lá terá o seu proveito.
Sapatos é que não aceito. Cada pessoa coloca o pé de uma forma e não quero prejudicar o andar de ninguém.
 

Enxaqueca Retiniana

Pode parecer que existe alguma semelhança com o meu nome, mas ontem ao final do dia deu-me um episódio de enxaqueca retiniana.
Tudo começou quando fui passear o Spike e tropecei num pão, acabando por me segurar no próprio cão. Nesse momento, acho que dentro de mim se espalhou o medo, sendo logo seguido, nos segundos seguintes, dum episódio de enxaqueca retiniana. Se houvesse alguém ao meu lado não o saberia.
Quando cheguei a casa, o episódio complicou-se: entrei em confusão mental. Não deve haver coisa pior: queremos dizer uma coisa, mas da nossa boca só saiem coisas sem nexo.
Aflita, e percebendo que os príncipes não estavam a entender o que se passava mandei 2 mensagens ao meu marido, que como é obvio não percebeu nada. Sim, se não conseguimos falar, escrever também é a mesma confusão. Mas foi o suficiente para ele perceber que algo não estava bem e rapidamente veio para casa.
Lá comecei a melhorar aos poucos, propriamente não tive dor de cabeça, mas não bastou para o susto.
 

18 de julho de 2013

Mais uma caminhada

Bem quero sair cedo, mas acabo por sair sempre na hora que já começa a fazer calor.
Hoje fui à escola do príncipe mais velho buscar as notas. Não se saiu mal: 4 e 5 foram as notas finais. Depois, uma viagem até ao banco. A velocidade era tanta, que acho que vi um ou outro caracol a ultrapassar-me... Ando mesmo devagar!
Buscar pão e toca a voltar a casa. 1 hora a caminhar.
A subida para minha casa é uma etapa final de peso. Poderíamos classificar como um prémio de montanha. Faz com que chegue de rastos a casa... mas viva!
 

17 de julho de 2013

Passeio matinal

Se temos que andar, andamos. De manhã, fui com o príncipe mais novo (aproveitar enquanto alguém quer ir comigo) ao veterinário buscar um ampola para o Dibo.
Depois passámos pelo parquinho. O príncipe mais novo adora o escorrega.
 


 
Fomos buscar pão, algumas compras ao supermercado e chegámos secos (estava calor) e cansados a casa.
Nesta fase ando tão, mas tão devagar...
 

16 de julho de 2013

E, tornei a esbardalhar-me...

Qual a probabilidade de se cair de novo de costas? Bem, não sei... mas a minha é grande.
Ontem, ao jantar, estava-me a levantar da mesa para limpar o prato e eis que o impossível torna a acontecer. O banco partiu as pernas, eu caí com toda a força de costas no chão. Como tinha o prato na mão, cacos por todo o lado e restos de comida.
O meu marido aflito, se me tinha magoado e a dar-me a mão para me levantar, o João só perguntava "se estava bem" com uma voz super aflita, o príncipe mais velho, que tinha ido tomar banho aparece rapidamente de toalha enrolada, o príncipe mais novo a dizer que "parecia um dinossauro (dos grandes, está claro!) a cair".
Bem estragos finais: um banco para o lixo, um prato para o lixo, umas costas doridas e um coxis que nem me permite sentar, nem baixar.
Hoje estou de rastos...
Bem, se não tenho ainda dores de parto, arranjo outras...

15 de julho de 2013

Baby #17#

 
A caminha está pronta, ou melhor, quase, porque segundo a tradição só se deve fazer a cama de um bebé depois dele nascer. Superstições, mas que não custa nada seguir.
Eu e o meu marido fomos ao Ikea comprar a cama, a cama que tínhamos visto e que gostámos. Por sorte, no dia que a fomos comprar custava menos 20€, o que deu para o colchão. Era a última no armazém; a sorte esteve do nosso lado. Seria chato chegar lá e não haver nenhuma.
 

Mais insectos

 
Hoje os príncipes descobriram este pequeno louva-a-deus no quintal. Entusiasmo, fotos, alegria total, até eu pegar no pobre insecto e o colocar num canteiro, antes que uma bola o esmagasse...

A caçada #2#


 
Mais um bicho que o Joijoi trouxe para casa. Desta vez uma lagartixa. Tive que lhe acabar com a brincadeira e com cuidado devolver o pobre animal (que perdeu hoje o rabo) à natureza.
 

14 de julho de 2013

Pauta Fora D'Horas: o fim

Depois de uma semana de trabalho (mais trabalho que diversão) o concerto final.
O príncipe mais velho atuou tanto no coro, como na orquestra de cordas. Já poderá dizer que já tocou numa orquestra as músicas dos Queen.
 


Mais uma vez um excelente espectáculo. A orquestra de cordas, até repetiu as músicas dos Queen. Estiveram muito bem.
No final, como sempre, o príncipe mais velho adorou ter participado na semana de atividades. Faz sempre um balanço positivo.
 

12 de julho de 2013

Passeio Diário do Spike #7#


O passeio do Spike continua a ser uma rotina diária. Embora o espaço seja quase sempre o mesmo, e o Spike só parece se interessar nos cheiros, todos os dias há diferenças.

 
Insectos diferentes, que parecem joaninhas, mas na realidade não são, e que parecem adorar finas ervas, balançando ao sabor do vento.
 

 


As amoras (que os príncipes adoram) estão quase, quase aí:


Diferentes flores: pequenas, médias, grandes





Há também obstáculos a ocupar o nosso percurso, que se percurrermos o mesmo caminho no escuro seria um pouco estranho.


e claro, o Spike sempre interessado nos cheiros.

 
A realidade, é que os passeios do Spike cada vez são menos stressantes. Não sei se será por estar grávida, mas puxa-me menos, arrasta-me menos atrás dele. Muito mais interessantes e relaxantes, penso que tanto para ele, como para mim.

 

A caçada

Hoje ao apanhar a roupa do estendal, habituada a que seja frequentada por insectos, sacudo-a sempre, e não é que estava um gafanhoto nuns calções. O gafanhoto saltou para o quintal, onde estava o Joijoi, que atento, o apanhou e trouxe a sua caçada para dentro de casa.
 

 
 
Sempre que apanha um troféu, trá-lo para casa. Enquanto o gafanhoto mexeu, foi motivo de interesse, depois abandonou-o, restando-me apanhar o bicho do chão.
 

Coisas deles #20#

O príncipe mais novo é muito gozão. Tornou-me a surpreender com a sua brincadeira. Pegou no meu espelhinho pequeno, virou-o para mim e disse-me:
" - Mãe, olha a tua cara."
E o que eu vi:
 


Pois isto...

O miúdo tem piada, lá isso tem.

11 de julho de 2013

A surpresa: bolas de berlim

Uma surpresa do marido:

 


As maravilhosas bolas de berlim do Natário. Claro, que não resisti a comer duas... só duas!!!!

Esbardalha-te filha!

Esbardalha-te!
Estou à uma semana em casa e já caí 2 vezes. Impressionante, já me equilibro mal. A sorte é que caio sempre de costas... se é que podemos chamar sorte!

Dormindo...

Finalmente dormi uma noite, sem acordar de 30 em 30 minutos, devido aos diversos factores:
- calor
- calor
- calor
- calor
- posição para dormir
- calor
- calor...
Dormi a noite quase toda, devo ter acordado só 2 vezes... Que bom o fresquinho da noite finalmente!

8 de julho de 2013

Skylanders

 
 
No sábado, à tarde, fomos com os gémeos até ao Media Markt, em Braga, para participarem no Torneio Skylanders que aí foi organizado. Todos entusiasmados, lá foram participar, num consola (PS3) que não têm e por isso não estão habituados a jogar.
O João perdeu logo na primeira eliminatória. O Tiago, génio dos jogos, ficou em 2ª lugar. Foi à final.
No fim, vinha feliz com o seu prémio e o seu feito. Ainda por cima, ganhou dois bonecos que não tinha.

 
Isto para o Tiago foi muito bom, aumenta a sua auto-estima.